RECOMPRA DE TITULOS ENTENDA O QUE E E COMO TRABALHAR COM ESSA ALTERNATIVA – POST

Recompra de títulos – Entenda o que é e como trabalhar com essa alternativa!

Sua factoring trabalha com a recompra de títulos? Entenda melhor como oferecer tal serviço.

Você já ouviu ou viu aquelas empresas que te ligam, falando que estão te oferecendo 70% de desconto para quitar suas dívidas?

Você pode até pensar:

“O quê? Mas como? A empresa vai sair no prejuízo coitada”

Mas não é bem assim, pois elas possuem todo um cálculo válido, de forma que conseguem obter lucro.

Essas são empresas que trabalham com a recompra de títulos, que é uma operação onde elas compram de bancos ou até mesmo de outras empresas as dívidas destes, para assim ter o papel de cobrar dos próprios devedores.

Então se você está interessado(a) em trabalhar com recompra de títulos, continue com essa leitura, que vamos te ajudar a entender o que é recompra de títulos e como trabalhar com essa alternativa.

Uma prática comum no mundo das factorings

Apesar de parecer estranho, saiba que a recompra de títulos é uma prática também muito comum no mundo das factorings. Uma atividade comercial caracterizada pela aquisição de direitos creditórios por um valor à vista, mediante taxas de juros e serviços de contas a receber a prazo.

E essa ação é bastante adotada por micro e pequenas empresas para obterem liquidez imediata.

Assim, a solicitação de recompra é um pedido realizado pela empresa, requerendo alguns títulos cedidos.

Mas por que será que acontece essa recompra de títulos?

Bom, a recompra de títulos pode ser motivada por vários fatores, sendo os mais comuns:

  • Vício nos títulos, que impedem que eles sejam cobrados.
  • Arrependimento da cessão.
  • Títulos frios (falsos), etc.

Dessa forma, qualquer situação em que o faturizado substitua títulos que já foram cedidos, em desfavor de terceiros por outros, ocorre o processo de recompra.

Vale lembrar que, ao fazer esse processo, aconselhamos fortemente que você o formalize por meio de solicitação de recompra.

Sabe por quê?

Porque quando ocorre a recompra de títulos alguns encargos contratuais podem estar inseridos. Exemplo: impostos.

Isso ocorre, já que houve um descumprimento do acordo no tempo previsto de pagamento do valor.

Está entendendo?

Vamos te explicar melhor – é como se fosse um reconhecimento de que os títulos que foram cedidos anteriormente não são passíveis de cobrança ou legítimos.

Já quanto à operação de recompra, na prática, ela é feita através de nota promissória que deve receber assinatura do faturizador e, para maior segurança, deve ser também assinada pelo avalista – que no caso é o representante da empresa.

Logo, em toda recompra ocorre uma nova operação, que terá sobre si toda tributação referente a ela e sua diferença deve ser tributada pelo CSLL e IRPJ, devendo toda receita obtida ser tributada e contabilizada.

Já sei o que é recompra de títulos e quero trabalhar com essa alternativa…

Certo. Tudo bem.

Mas saiba que todo o procedimento para recompra de títulos deve ser cauteloso, para que você não tenha prejuízos e transtornos.

Por isso, comece por formalizar toda a transação e, caso faça um contrato de cessão de títulos, tenha cuidado quanto ao inserimento de cláusulas, pois determinadas interpretações jurídicas consideram essa prática como ilegal – por isso, é muito importante fazer esses contratos com quem realmente entende do assunto –  E PARA ISSO, AQUI ESTAMOS NÓS!

Agora, se você deseja mesmo trabalhar com recompra de títulos, entre em contato com nossa contabilidade.

Nossa equipe é altamente capacitada para esse segmento, que possui suas particularidades, e somente um profissional especializado nessa área pode te ajudar de forma assertiva.

Fale conosco!

Um forte abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *