skip to Main Content
Quais As Melhores Franquias De Factoring Para Se Investir?

Quais as melhores franquias de factoring para se investir?

As franquias de factoring chegaram a faturar R$ 2 bilhões em 2016, gerando mais de 6 mil empregos diretos. Essa modalidade de negócio pode oferecer ao franqueado um faturamento médio mensal de até R$ 1 milhão.

As franquias de factoring ainda são menos populares no Brasil do que outros segmentos, como redes de varejo ou de alimentos e surgiu para cobrir uma lacuna no mercado deixada pelos bancos.

O serviço prestado pelas franquias de factoring inclui produtos financeiros pouco explorados pelas grandes instituições financeiras. Para o consumidor, a grande vantagem é encontrar tudo o que precisa num único lugar, tendo acesso a produtos financeiros que não conseguiria obter de outra forma.

Franquias de factoring, normalmente, são focadas nas classes C e D, sendo encaradas como uma excelente oportunidade de negócio. Contudo, o tipo de empreendimento não é para leigos. É necessário ter bastante conhecimento do mundo financeiro, buscar pelos clientes, ter atenção à área comercial e paciência para explicar sobre os produtos.

Além disso, também é necessário ter conhecimento do tipo de empreendimento. Uma franquia de factoring, normalmente, é direcionada para quem já trabalhou na área, como um gerente de banco, por exemplo.

        1-CredFácil, a primeira rede de franquias de factoring

A primeira rede de franquias de factoring no Brasil foi a CredFácil, aberta em 2004, quando o crédito consignado ainda era uma novidade no país. A franquia foi criada aproveitando o momento econômico, procurando manter uma relação diferenciada com os clientes.

No entanto, como empresas ligadas ao setor financeiro dependem da economia, a franquia precisou fechar praticamente todas as franqueadas em 2008. A crise dessa época levou o desenvolvedor da franquia a estudar o modelo e investir mais no setor. Hoje, a CredFácil possui 80 unidades espalhadas em 12 estados do Brasil.

Para ter uma franquia de factoring da CredFácil, o investidor precisa fazer um investimento de aproximadamente R$ 120 mil, incluindo taxa de franquia, capital de giro e royalties. O faturamento médio mensal gira em torno de R$ 200 mil, tendo um prazo de retorno de investimento entre 12 a 18 meses, de acordo com a franqueadora.

Contabilidade Para Factoring - Contabilidade na Vila Mariana - SP | Tributus ContabilidadePowered by Rock Convert

        2-Finnance – Seu Crédito

Com um investimento menor, entre cerca de R$ 15 mil a R$ 60 mil, um investidor pode se tornar franqueado da Finnance – Seu Crédito, que trabalha como correspondente bancário, oferecendo linhas de crédito, consórcios e seguros. Na franquia de factoring Finnance – Seu Crédito, o faturamento mensal gira em torno de R$ 25 mil, com possibilidade de retorno do investimento entre 18 a 24 meses. A empresa nasceu em 2004, mas foi somente em 2010 que resolveu partir para o modelo de franquias.

Segundo a franqueadora, quem pensa em investir em uma franquia de factoring, deve gostar de trabalhar com o público e manter-se constantemente atualizado com o mundo financeiro, uma vez que as regras do setor mudam com bastante frequência.

        3-Fitta Turismo

A Fitta Turismo é uma franquia de factoring que atua no segmento do turismo, mantendo seu foco em câmbio. De acordo com a franqueadora, sua maior aposta não é em pessoas que tenham experiência no setor financeiro, e sim em naqueles que não conheçam finanças, uma vez que gosta de evitar os vícios adquiridos anteriormente.

Para a franqueadora, a pessoa não precisa nem se interessar pelos produtos financeiros, uma vez que o foco do negócio mantém maior relação com a área comercial.

A Fitta Turismo foi fundada em 2006, tendo como origem uma empresa do próprio grupo com foco em câmbio. Atualmente, a franqueadora conta com 42 unidades espalhadas por todo o país, algumas delas com faturamento de R$ 1 milhão por mês. O investimento inicial para o franqueado é a partir de R$ 110 mil.

Cuidados ao abrir uma franquia de factoring

De uma forma geral, o investidor que pretende abrir uma franquia de factoring deve tomar alguns cuidados, prevenindo futuros problemas. É preciso, antes de qualquer coisa, investigar a empresa franqueadora, tomando todas as informações, tanto do ponto de vista do próprio negócio, conhecendo o potencial de retorno sobre o investimento, quanto do ponto de vista dos clientes, analisando o potencial de crescimento e aceitação pelo mercado.

Para o investidor que pensa em franquia de factoring, a melhor solução é ter o apoio de um contador especializado em finanças, com conhecimento do setor, que poderá oferecer todas as orientações com relação ao empreendimento, assegurando que o empresário possa começar um negócio que ofereça lucratividade.

A contabilidade é essencial para o sucesso de qualquer franquia de factoring. É através dela que o franqueado poderá exercer, com maior efetividade, seu trabalho sem preocupações com questões fiscais e tributárias. Contate um contador de sua confiança e descubra como aumentar seus lucros e reduzir seus gastos, além de investir em um planejamento tributário de qualidade!

Seja diferente, inove, evolua, escreva-se em nossa newsletter !

[contact-form-7 404 "Not Found"]

A Tributus pode ajudá-lo a resolver suas dúvidas com relação ao factoring e impulsionar o seu negócio. Contate-nos!

Até logo.

Ainda possui alguma dúvida? Que tal entrar em contato com a Tributus?

Somos uma Empresa Contábil em São Paulo, especialistas no seu negócio para ajudá-lo.

Será um prazer conversar!

Acesse nosso Facebook: @grupotributus

Sucesso e até logo.

Assine nossa Newsletter

This Post Has 6 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top