Factoring Pode Captar Dinheiro De Terceiros

Factoring pode captar dinheiro de terceiros? – O que pode e o que não pode em uma factoring?

Não é incomum que as pessoas tenham dúvidas a respeito do fomento mercantil. Apesar de popular, não é conhecido exatamente por todo tipo de público, e isso gera questionamentos acerca do que pode e o que não pode ser feito no factoring, como por exemplo – factoring pode captar dinheiro de terceiros?

Essa dúvida, apesar de bastante comum entre os empreendedores que desejam começar uma factoring, precisa ser sanada!

Então, confira a seguir, o que pode e o que não pode em uma factoring!

1 – Factoring é financeira?

De forma alguma! A Factoring não é uma instituição financeira. É uma empresa privada que lucra através de uma taxa de risco de negociação sobre o adiantamento de capital que seus clientes devem receber a prazo. A ideia por trás do fomento mercantil é fornecer recursos para empresas uqe precisam de dinheiro imediato, seja para realizar investimentos, para pagar dívidas ou para escapar de cenários desfavoráveis, já que o risco de endividamento é bem menor. Mas, não só isso!

O dinheiro das Factorings não precisa ser utilizado somente em situações negativas. É possível utilizá-la para garantir a efetividade de uma expansão ou de um projeto em especial, por exemplo.

2 – Factoring pode captar dinheiro de terceiros?

Não. A Factoring só pode utilizar os próprios recursos para operar. Captar recursos como o dinheiro de terceiros não é permitido, visto que a Factoring é uma empresa de operação comercial, e não uma instituição financeira, conforme descrevemos acima.

O lucro das Factorings acontece, novamente, através da cobrança de taxas sobre as dívidas compradas, e o dinheiro inicial para a abertura do negócio deve ser investido pelo empresário.

3 – Posso cobrar juros dos clientes?

As Factorings não cobram juros de seus clientes, e essa é justamente o aspecto que faz a diferença para as empresas que buscam o fomento mercantil. Por não existirem juros, a probabilidade de endividamentos é praticamente nula, e o que o empresário paga para a Factoring é a taxa de riscos inerentes sobre as transações, conforme também já mencionamos!

4 – Posso comprar qualquer dívida?

Como um empresário de fomento mercantil, você precisa estar atento a um detalhe que também vale muito para as empresas financeiras – a análise de crédito!

Como você comprará títulos a receber de outras empresas, é imprescindível verificar se os títulos envolvidos e os clientes devedores possuem alta taxa de risco de inadimplência, pois dessa forma você poderá realizar as compras sem correr o risco de não receber o dinheiro que investiu.

5 – Factorings só trabalham com Pessoas Jurídicas?

Sim! Qualquer operação que não seja voltada a empresas, que inclua empréstimos ou que configure serviços realizados por instituições financeiras NÃO constitui o campo de atuação do fomento mercantil. Lembre-se o objetivo da factoring é COMPRAR títulos a receber de outras empresas.

Agora que você já sabe que uma Factoring não pode captar dinheiro de terceiros e entende o que pode e o que não pode, já possui uma base maior para começar o seu negócio com sucesso.

Mas, não pense que é só isso! Você precisará cuidar das suas finanças de forma meticulosa, e para isso a Tributus pode te ajudar.

Seja diferente, inove, evolua, escreva-se em nossa newsletter !


Somos uma Contabilidade na Vila Mariana – SP, cuja especialidade é a Contabilidade para Factoring. Portanto, entre em contato e vamos, juntos, começar seu negócio de fomento mercantil com sucesso!

 

Em caso de dúvidas, entre em contato conosco.

Até mais!

Ainda possui alguma dúvida? Que tal entrar em contato com a Tributus?

Somos uma Empresa Contábil em São Paulo, especialistas no seu negócio para ajudá-lo.

Será um prazer conversar!

Acesse nosso Facebook: @grupotributus

Sucesso e até logo.

Assine nossa Newsletter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat